Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Últimas notícias > Praça João Lisboa e Largo do Carmo em São Luís (MA) são revitalizados
Início do conteúdo da página
OBRAS

Praça João Lisboa e Largo do Carmo em São Luís (MA) são revitalizados

A obra faz parte de uma série de intervenções promovidas pelo Iphan, autarquia do MTur, em parceria com a prefeitura local

  • Publicado: Quarta, 09 de Dezembro de 2020, 17h03
  • Última atualização em Quarta, 09 de Dezembro de 2020, 17h03

Por Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan)

091220 - Obra MA.png

Conjunto urbanístico Praça João Lisboa e Largo do Carmo teve revitalização concluída. Crédito: Iphan

Referência em atividades de lazer e cultura da capital São Luís (MA), o conjunto urbanístico Praça João Lisboa e Largo do Carmo teve revitalização concluída no início de novembro, por meio de uma parceria entre o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), autarquia do Ministério do Turismo, e a Prefeitura de São Luís.

A região faz parte de um dos principais eixos viários do centro histórico da capital maranhense, sendo tombado pelo Iphan em 1955. A área integra, também, o Conjunto Arquitetônico, Urbanístico e Paisagístico da cidade de São Luís/MA com tombamento federal de 1974, além de estar inserida no perímetro do Centro Histórico da capital, inscrito na Lista do Patrimônio Mundial da Unesco desde 1997.

A praça e o largo são referência urbana, portando diferentes atividades de lazer, comércio e cultura. Sua configuração atual foi implantada nas primeiras décadas do século XX. Após algumas intervenções, o local hoje conserva o piso em mosaico português com desenhos metamórficos, canteiros e bancos. Durante as obras de restauração, foram encontrados os trilhos do antigo bonde, transporte fundamental para a mobilidade da cidade na primeira metade do século XX. Agora visíveis, eles se tornaram mais uma atração do complexo.

A área restaurada compreende um perímetro de 12 mil metros quadrados. A obra é mais uma de uma série de intervenções que busca revitalizar o Centro Histórico de São Luís.  O projeto do Iphan incluiu soluções urbanísticas e arquitetônicas que proporcionam um espaço público de qualidade, priorizam os pedestres e oferecem serviços essenciais, como iluminação, acessibilidade e pavimentação em ruas do entorno da praça.

Foi feita, ainda, a recomposição das áreas da pavimentação dos mosaicos de pedra portuguesa, emolduradas pelos blocos de pedra de lioz, fazendo a marcação das pavimentações mais antigas daquele espaço, e a uniformização da pavimentação das vias, com reincorporação do piso em blocos de paralelepípedos.

 “As requalificações oriundas da parceria com a prefeitura são antes de tudo respeito à história, respeito à nossa gente. O jornalista e escritor que deu nome a uma das praças mais antigas de São Luís, de certo, estaria orgulhoso dos novos ares que a Praça João Lisboa e o Largo do Carmo tomaram”, avalia o superintendente Iphan-MA, Maurício Abreu Itapery.

HISTÓRIA - A denominação de Largo do Carmo é devido ao Convento e Igreja Nossa Senhora de Monte Carmelo. Já a Praça João Lisboa recebeu este nome em homenagem ao escritor e jornalista maranhense João Lisboa que ali residiu. Em 1918, ele foi homenageado com uma estátua de autoria de Jean Magrou, que integra a praça. A estátua passou por total limpeza das suas composições em bronze e aplicação de verniz protetivo para minimizar os danos sobre sua superfície.

Também foram restaurados o busto do Frei Carlos Olearo e o Relógio do Largo do Carmo, com manutenção total de seus maquinários, desde o ponteiro, numeração, passando pela composição dos quadros laterais.

Edição: Rafael Brais

agencia noticiais MTUR.jpeg

registrado em:
Assunto(s): turismo , obras
Fim do conteúdo da página